Vacinas que salvam vidas

  • 2017 jun 30

Apesar do bebê se encontrar protegido com os anticorpos maternos, enquanto no útero materno, após o nascimento tem contato com microrganismos, aumentando assim o risco de contrair doenças, pois as suas defesas ainda estão em desenvolvimento.

Daí a importância das vacinas. Há mais de 200 anos o médico britânico Edward Jenner revolucionava a medicina preventiva, tornando possível evitar a ocorrência de doenças letais e contagiosas.

A primeira vacina produzida foi contra varíola, doença grave que matava ou deixava a pessoa com o rosto marcado por cicatrizes profundas. A partir daí, surgiram vários outros tipos de vacinas.

Uma das mais conhecidas e importantes vacinas é a BCG (Bacilo Calmette-Guérin). Obrigatória para menores de um ano, a vacina protege contra a tuberculose, uma doença infectocontagiosa que ataca principalmente os pulmões, porém pode ocorrer em outros órgãos.

Tão importante que merece até uma data para ser lembrada, dia 1º de julho.

Postagens Relacionadas

keyboard_arrow_up